musicas.mus.br

Letras de músicas - letra de música - letra da música - letras e cifras - letras traduzidas - letra traduzida - lyrics - paroles - lyric - canciones - VOLúPIA DA CULPA - UM BARRIL DE RAP - música e letra

Utilize o abecedário abaixo para abrir as páginas de letras dos artistas

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z

Volúpia da Culpa letra


Onde está cade meu lado gangsta?
Vão buscar minha lança que hoje eu quero vingança com o lado popstar
Rockstar é o GTA do Drogba de trança
Meu lado hare krishna curte seu lado dança

Amo ter paixão odeio odiar
A fome é o tesão é o nó que barriga da gente dá
O tesão é a fome que tu me dá
E a gente come porque é homem e n sabe jejuar

Você é a pele lisa eu sou a verruga eu
Sou o deslize eu sou a curva eu sou a fuga o pneu careca e a chuva
Isso machuca o vinho e a uva a causa e o efeito do defeito
Eu sou a consciência suja pela culpa

No entanto entramos juntos nesse ciclo
Errados mas foi justo foi tanto cuspe foi com tanto ímpeto
É logico jogamos nesse âmbito
E o arbitro nos queimariam vivos pelo divino versículo

Que escândalo de entristecer os anjos
Olha o que cê virou por culpa minha eu sou um vândalo
Te arrasto por quilômetros eu sou só um pernilongo
Pra atrapalhar seu sono e você que esperava um cavalo branco.

E eu tive uma dr com meu próprio ser
To fazendo o que eu disse que não consigo fazer
Não adianta eu te dizer é só tu vendo pra crer
Eu to com medo de mim e também me nego a entender

E se pá eu to no tédio e to resolvendo o mistério
Rap de apartamento escrevo de baixo do prédio
E o começo de um novo império pros nerd meu dedo médio
Uma grande doença não cura com um só remédio

E eu to vendo cemitério e eu to vendo minha lápide
Chamei alguns pecados pra uma noite com conhaque
Então segura o saque que eu to parando pra ver
Pouca idade e muita merda ainda tem coisa pra viver

E eu quero te entender eu quero me entender
Há duas mentes pensantes nesse quarto pra crescer
Eu sucumbi, minha carne gritou socorro
Mas assumo todo dia que eu mesmo me perdôo

Meu cabelo brilhou ouro e minha cara foi menos lisa
Sujei o meu cenário e colori meu céu de cinza
Se pá bateu a brisa então trás desse pra mim
A mirra perdeu valor mais o incenso não tá ruim

E tu tá ficando velho e eu to cada vez mais novo
Eu aprendi a jogar to cheio de bala de fogo
Eu to saindo do afogo e se pá to afogando
Afundei no teu diamante o seu bem mais precioso

Um Barril de Rap - Letras

©2003 - 2017 - musicas.mus.br