musicas.mus.br

Letras de músicas - letra de música - letra da música - letras e cifras - letras traduzidas - letra traduzida - lyrics - paroles - lyric - canciones - SINAIS - UM BARRIL DE RAP - música e letra

Utilize o abecedário abaixo para abrir as páginas de letras dos artistas

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z

Sinais letra


Você não sabe a metade do que eu sigo
Eu não sigo nem a metade do que eu vejo
Eu vejo tanto que chega a doer de medo
Sabe a verdade? Eu compartilho esse castigo
Sem mais o bom é o bem presente
O que tem nessa comida? Por que eu sempre tô doente?
Tô fora da corrida, eu tô ausente
Se não entende o que eu digo, pelo amor de Deus nem tente
O que não é pecado? O que não é sagrado?
É tudo transeunte, é tudo transmutável, inevitável
Tire a venda das crianças
A verdade é implacável até a onde a gente alcança
Bem que eu desconfiava das tragédias na TV
Quem é você pra me dizer as sensações que eu quero ter?
Vem essa voz, nora da ira interromper
Mas dessa vez eu vim pro bem
Eu não posso me corromper
Você que quer aparecer
O artista quer fugir
O que eu quero dizer é como eu posso te ferir
Meu espaço sideral, ou ideal, ou pelo esgoto
Eu tô sabendo de um portal num matagal no Mato Grosso
Ninguém pra falar: o que queres ouvir?
Alguém que quera ouvir o que eu quero dizer
Também vou me libertar eu decidi
Porém eu tô acorrentado em que?

Eles me julgam mas não fazem a metade
Dedos que apontam mas sabem da verdade
E eu só quero viver dessa viagem
Por um segundo que o mundo se cale
Me sinto vivo em um lugar misterioso
Mas, pra viver vou me envolver até o pescoço
E se tem volta logo agora eu já não posso me prender
Já me perdi pra achar a rota pra tentar me conhecer
Essa trilha foi escrita por quem nem me conheceu
Nessa história minhas memórias quem será que escondeu?
Então não chame meu sonho, ou o que me move de ilusão
Nem me suporte quem se comove em sua própia dimensão
Imparcial ao que queres
Eu só serei quem sou
Já vou. Não me esperem, pois de lá ninguém voltou
Posso não saber cantar sonoridade ou afinação
Mas, escutar ou criticar é só outra opção
Aos vinte e um eu decidi não ser comum
Só refleti que ser mais um é só fingir
Nem um tá livre aqui!
Se a casa cair não tô sozin, vamo invadir, fazer sumir
Quem suncunbir pra resistir
Não desistir!
Então torce esse nariz já que minha música vai além
Aqui se paga, aqui faz igual a paz que te convém
Amigavél, revolatdo por trás do bom rapaz
Quem aposta?
Quer resposta
Aqui não cabe mais

Um Barril de Rap - Letras

©2003 - 2017 - musicas.mus.br